Blog

Security Breach Hacker Cyber Crime Privacy Policy Concept

Se está a ler este artigo, algo o preocupa em relação à sua segurança online.

Poderíamos começar por fazer uma lista de “mil e uma dicas” para o leitor se manter seguro na internet e basear-nos no medo que paira no ar acerca dos mais recentes ataques informáticos à SIC e Vodafone.

Efetivamente, a segurança na internet é um tema vigente e deve ser esmiuçado e bem explicado, mas não com base no medo!

Vamos começar com um primeiro exemplo.

Já ouvi falar em “Happy Clickers”? Pode até não conhecer o termo, mas de certeza que conhece alguém com esta alcunha.

Um “Happy Clicker” traduzido à letra é um “Clicador Feliz” (por favor, perdoa-nos Camões).

Pelo seu sorriso, acredito que esteja a visualizar um amigo, um colega de trabalho ou até mesmo um familiar. Exatamente, acertou! São aquelas pessoas que clicam em tudo que lhes aparece à frente.

Links que prometem formas milagrosas de ganhar fortunas em segundos, ora imagens com ofertas de produtos, serviços e viagens XPTO, convites para relacionamentos relâmpago e sem compromissos… enfim, um sem número de formas de fazer asneiras!

Pois é, caro leitor. É aqui que tudo começa! É precisamente aqui que “abrimos a porta” para os perigos da internet.

Sabe aquele ditado popular “Quem semeia ventos colhe tempestades”? É precisamente isto que um “Happy Clicker” faz… semeia algo menos bom.

Portanto, se se identificou com o que leu até agora ou se conhece alguém que se encaixa neste perfil, não é o fim do mundo. Tudo tem solução!

Existem no mercado diversos produtos e soluções quer para particulares ou empresas, às quais pode recorrer para a sua proteção online, desde antivírus, antispyware´s, Firewall´s, VPN´s, arquivos de password´s, software de controlo parental, entre muitos outros.

Toda a esta oferta poderá ajudar na sua proteção, mas, se o utilizador não conseguir usar o seu bom senso e ter o cuidado necessário com a sua utilização da internet, nenhum destes produtos ou serviços funcionará.

A utilização consciente da internet é “meio caminho andado” para ficarmos mais seguros e para nos afastarmos de problemas como hacking, phishing, ransomware, roubo de dados e afins.

Em algum momento já ouviu falar disto, certo? Acredite, não vai querer ter estes “senhores” no seu vocabulário ao longo do seu dia-a-dia.

Eles são efetivamente motivo de preocupação, pois ganharam um grande destaque e preponderância nos últimos anos que foram intensificados com a pandemia. Diga-se de passagem, os números são assustadores.

Apenas para ter uma pequena ideia, no final de janeiro, o Gabinete de Cibercrime da Procuradoria-Geral da República divulgou que as queixas em relação a cibercrime duplicaram em 2021.

Não queremos com isto assusta-lo ao ponto de querer deixar de utilizar a internet.

Pretendemos de facto é que o faça de forma segura, consciente e, acima de tudo, proveitosa.

Contacte-nos e confira o que lhe podemos oferecer na área da segurança online!

Deixar um comentário

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.